Cultura

De guerra civil a autorretrato: veja finalistas de prêmio de fotografia europeu

9 de abril de 2014

Criado em 1996 pela Photographers’ Gallery, em Londres, o prêmio de Deutsche Börse elege anualmente o profissional que fez a contribuição mais significativa para a fotografia contemporânea na Europa. Os trabalhos dos quatro finalistas de 2014 estarão reunidos em uma mostra na própria galeria londrina.

O espanhol Alberto García-Alix concorre pela livro de autorretratos que lançou em 2013, o alemão Jochen Lempert por sua retrospectiva em Hamburgo, o irlandês Richard Mosse por sua instalação/mostra Enclave na Bienal de Veneza, e a americana Lorna Simpson, pela sua retrospectiva no Jeu de Paume, em Paris.

Mosse se destaca pelas fotos feitas na República Democrática do Congo, país que vive uma trágica guerra civil desde 1998.

As imagens, capturadas em um tipo de filme especial – já não mais fabricado – usado em vigilância militar, registram espectros de luz infravermelha invisíveis ao olho humano, dando estranhos contorno psicodélicos à zona de guerra na floresta.

A exposição ficará em cartaz entre 11 de abril e 22 de junho. O vencedor será anunciado em 12 de maio e levará para casa um prêmio de 30 mil euros (R$ 91 mil).

Edição Digital

Autoconhecimento

Direção Executiva
Lucinha Longo - 73 9979.5050

 

Direção Administrativa
Antônio Silva 73 9983.8175

Rua Frei Benjamim, 151 - Recanto do Lago - CEP: 45996-016 - Teixeira de Freitas - Bahia - Email: revistaorigem@yahoo.com.br - Tel.: 73 3291.9805